Farinha saudável: 5 opções de farinhas integrais e suas propriedades | Reconsaj Noticias



Farinhas integrais são opções mais saudáveis para o cardápio, pois apresentam mais nutrientes e propriedades benéficas para o organsimo
A farinha pode ser um alimento polêmico em receitas culinárias, principalmente para quem segue dietas restritivas, como em casos de diabetes e alergia ao glúten. Felizmente, existem opções de farinhas integrais funcionais que estão fazendo sucesso devido aos benefícios que apresentam. A lista abaixo inclui versões sem glúten e as não refinadas, que podem fazer parte de uma alimentação bem balanceada. Então, veja agora qual a farinha mais saudável de acordo com as propriedades de cada uma.
1. Farinha de aveia é rica em fibras e ajuda a digestão

A farinha de aveia é uma excelente fonte de nutrientes para o organismo. Por ser rico em fibras e proteínas, o alimento auxilia na digestão e combate ativamente a prisão de ventre. Além disso, previne doenças cardíacas devido à forte presença de ferro, potássio e vitamina B12 em sua composição.

Por conter ação antioxidante, é um ingrediente incrível para imunidade e pode ser usado no preparo de panquecas, crepiocas, bolos e pães integrais. É uma boa opção para quem quer controlar o açúcar e o colesterol no sangue, inclusive, mas deve ser evitada por celíacos, ok?
2. Farinha de coco protege coração e melhora a imunidade

A farinha de coco é uma alternativa à farinha branca e apresenta gorduras saudáveis que equilibram o colesterol e protegem o coração. O benefício principal é que o alimento é fonte de ácido láurico, substância antibacteriana que age no intestino e ajuda a prevenir infecções no corpo.

Diferentemente da aveia, a farinha de coco pode ser usada em programas nutricionais para diabéticos e celíacos, pois controla a glicemia do sangue e é livre de glúten. O ingrediente também ajuda na digestão e pode ser aliada na alimentação do dia-a-dia por ser uma farinha integral.
3. Farinha de trigo integral substitui farinha branca e previne picos de insulina

A farinha de trigo integral é uma farinha saudável, sim. O alimento não passa por um processo de refinamento completo como a versão tradicional, o que faz com que ele concentre maiores quantidades de fibras e proteínas. Isso ajuda a regularizar o intestino, além de manter a saciedade por mais tempo.

O ingrediente é digerido mais lentamente e, por isso, não provoca picos de insulina no sangue. Assim, é considerado uma alternativa para o uso da farinha branca em preparos doces e salgados. É também uma farinha fonte de cálcio, ferro, vitaminas K e B6.
4. Farinha de chia oferece saúde para músculos, ossos e intestino

Na lista de farinhas integrais, a farinha de chia tem bastante destaque. Rico em ômega 3 e cálcio, o alimento é conhecido por fortalecer os ossos e músculos e controlar o colesterol do sangue devido à concentração do polissacarídeo e do micronutriente no organismo.

Mais do que isso, a farinha contém proteínas importantes para o corpo que ajudam a construir massa magra no corpo e promovem a recuperação muscular. E tem mais: o ingrediente é composto principalmente de fibras e auxilia e muito no funcionamento do intestino. Só coisa boa, né?
5. Farinha de quinoa estimula bom humor e acelera metabolismo

A farinha de quinoa também é famosa como farinha saudável. O ingrediente combina triptofano e vitamina B3, duas substâncias que, quando juntas, estimulam a produção de serotonina e promovem o bom humor. Sem contar que a farinha acelera o metabolismo e auxilia na redução do colesterol ruim, pois é rica em ômega 3 e 6.

Além disso, o alimento concentra lisina, isoleucina e treonina, exemplos de proteínas que auxiliam no desenvolvimento da massa muscular. Ainda é fonte de fibras, que garantem saciedade prolongada, e apresenta baixo índice glicêmico. 
                                                                    Fonte : www.conquistesuavida.com

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem
-- Composite Start -->