Mulher atribui ao gato de estimação descoberta de um câncer de mama



Os animais de estimação são incríveis e a cada dia que passa eles nos surpreendem mais. Prova disso é o que aconteceu com Kate King-Scribbins, que atribui a seu gato de estimação a descoberta de um câncer de mama, localizado em seu peito esquerdo.
"Oggy sempre adorou se aconchegar em meus braços, mas começou a se aconchegar de forma mais agressiva do que de costume", contou e entrevista ao Caters News.
Continua após a publicidade
"Eu tentaria colocá-lo para o outro lugar, mas ele simplesmente não aceitou. Ele parecia mais determinado do que nunca a ficar deitado perto do meu peito esquerdo".
Até que, em uma manhã, após meses notando o comportamento estranho do gato, Kate acordou com uma dor muito forte que tomava todo o seu corpo. Fazendo um auto exame, ela descobriu um caroço estranho em seu seio.
A dona de Oggy foi diagnosticada com câncer de mama já no terceiro estágio, sendo submetida a sessões de quimioterapia e radioterapia.
"Só quando senti o caroço e recebi o temido diagnóstico é que percebi o que ele estava tentando me dizer todo esse tempo", disse.
"Eu olho para trás, nas mudanças de comportamento dele em relação a mim antes do meu diagnóstico de câncer de mama e realmente acredito que ele estava tentando me alertar para os perigos que cresciam em meu corpo".
Kate atribui a Oggy, o gato que resgatou há 15 anos, a descoberta de sua doença ainda nos estágios iniciais. Contudo ela sabe que muitos serão céticos e não darão importância aos instintos do gatinho.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem