Ultimas

6/recent/ticker-posts

Auxílio Brasil será de R$ 600 já em julho? Veja calendário das novas parcelas




Falta pouco para o Auxílio Brasil de R$ 600 ser aprovado. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC 15/22) que institui o estado de emergência e autoriza o governo a gastar com programas sociais em ano de eleição foi aprovada na última terça-feira, 12, no Plenário da Câmara dos Deputados.
Agora, o próximo passo é a votação em dois turnos na Casa, onde a proposta precisa receber 308 votos favoráveis dos deputados para ser aprovada. Após isso, será promulgada e começa a vigorar. A PEC dos benefícios chegou a entrar na pauta da sessão da última quinta-feira, mas por falta de quórum o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) decidiu adiar a votação para a terça-feira (12).
Dos 427 deputados que haviam registrado presença na sessão de ontem, 394 votaram um requerimento de encerramento da discussão da PEC. Nessa votação, a base conseguiu somente 303 dos 308 votos necessários para aprovação. "Não vou arriscar nem essa PEC nem a próxima", informou Lira antes de encerrar a votação e reconvocar os trabalhos para a próxima terça.
Auxílio Brasil de R$ 600: quando começa?
Com o adiamento da votação da proposta, é difícil confirmar com exatidão quando vai começar o pagamento do Auxílio Brasil de R$ 600. Para anunciar oficialmente o calendário do benefício reajustado o governo depende da aprovação da PEC do estado de emergência.
Por esse motivo, ainda é incerto afirmar que o Auxílio Brasil de 600 será pago em julho. Na última quinta-feira (7) saiu a notícia de que o governo estaria preparando uma folha de pagamento extra para liberar o aumento de R$ 200 ainda neste mês. A informação é do colunista de política da GloboNews, Valdo Cruz, e não foi comentada pelo Ministério da Cidadania.
Contudo, o adiamento da votação da PEC na Câmara torna o cenário preocupante para o governo. Após várias manobras para agilizar a tramitação da proposta, o texto será votado há 5 dias do início do calendário de julho, o que deixa a pasta da Cidadania sem tempo hábil para processar a folha de pagamento com o novo valor.
Ainda na semana passada, o relator da proposta no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE) afirmou que serão pagas 5 parcelas de R$ 600, o que leva a entender que está nos planos do governo iniciar o depósito do auxílio de R$ 600 somente em agosto.
Em cerimônia de posse, a nova presidente da Caixa, Daniella Marques, afirmou que a instituição está trabalhando para agilizar o pagamento dos novos benefícios, mas que "o Auxílio Brasil deve ficar para a próxima janela", ou seja, no mês de agosto.
Qual será o valor do Auxílio Brasil em julho?
Até o momento, o valor da parcela de julho segue confirmado em R$ 400 por família. Caso seja aprovado na próxima semana, o aumento de R$ 200 deve ser anunciado pelo governo em um calendário diferente do previsto para este mês.
Em breve, o Ministério da Cidadania deve disponibilizar a consulta à lista de beneficiários do Auxílio Brasil em julho. A verificação deve ser feita diretamente no aplicativo do Auxílio Brasil, que informa o valor da próxima parcela e a data de depósito do benefício.
O aplicativo do Auxílio Brasil deverá informar também caso haja o crédito extra de R$ 200 previsto para cair na conta do beneficiário, por isso é importante fazer o acompanhamento pela plataforma.
O calendário do Auxílio Brasil em julho já foi divulgado. O primeiro depósito vai cair para o grupo de inscritos com NIs final 1 na segunda-feira, 18 de julho. Veja abaixo as datas completas do benefício neste mês:
Calendário do Auxílio Brasil 2022 - Julho
Número final do NIS Data de depósito
1 18 de julho
2 19 de julho
3 20 de julho
4 21 de julho
5 22 de julho
6 25 de julho
7 26 de julho
8 27 de julho
9 28 de julho
0 29 de julho
Mesmo sem confirmação de que o valor maior será pago em julho, o beneficiário já pode consultar as datas de pagamento do Auxílio Brasil até o final deste ano. Caso sejam confirmadas as 5 parcelas de R$ 600 entre agosto e dezembro, o cronograma deve permanecer o mesmo.
Veja abaixo a tabela do Auxílio Brasil de R$ 600 nos próximos meses:






Fonte: Ache concursos

Postar um comentário

0 Comentários