Header Ads Widget

Bolsonaro sobre auxílio emergencial: ‘quem quer mais é só ir no banco e fazer empréstimo’. | Reconsaj Noticias




Em encontro com apoiadores no Palácio da Alvorada nesta terça-feira (1), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que a pobreza diminui no Brasil por conta do auxílio emergencial. Ele também dirigiu críticas aos pedidos de novos pagamentos.
“Só dois países da América Latina diminuíram a pobreza, nós e o Panamá, se não me engano. Você não vai ver isso em lugar nenhum da imprensa. Qual país do mundo fez projeto como o nosso, que foi o auxílio emergencial? Gastamos em 2020 o equivalente a 10 vezes o Bolsa Família. E tem gente criticando ainda, falando que quer mais”, declarou.
Sobre aqueles que reivindicam a retomada do auxílio emergencial, o presidente sugeriu que procurem um banco para pegar um empréstimo.
“Como é endividamento por parte do governo, quem quer mais é só ir no banco e fazer empréstimo. Sabemos da situação difícil em que se encontra população, que perdeu empregos não por culpa do presidente”, afirmou.
É importante destacar que, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). a taxa de desemprego no trimestre móvel de janeiro a março deste ano chegou a 14,7%, a maior desde que se começou o registro em 2012. O aumento em relação ao trimestre anterior foi de 0,8%
Bolsonaro também afirmou não ter autoridade para gerir a pandemia de coronavírus no país, e aproveitou para atacar as medidas de restrição adotadas por governadores.

Postar um comentário

0 Comentários