Header Ads Widget

Com presidência de Lira, pedidos de impeachment de Bolsonaro quase dobram e já passam de 100

 


A Câmara dos Deputados recebeu, até esta terça-feira (6/4), 107 pedidos de impeachment contra o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). O levantamento é da Secretaria-Geral da Mesa da Câmara. Do total, 41 foram protocolados durante a gestão de Arthur Lira (PP-AL) no comando da Câmara. Seu antecessor, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é até hoje cobrado por não ter desengavetado nenhum dos 66 pedidos enquanto ocupou a presidência da Casa.

O avanço da pandemia da Covid-19 no Brasil, já previsto por especialistas em saúde, impulsionou o número de pedidos de afastamento de Bolsonaro. Nesta terça, 4.185 brasileiros perderam a vida para a doença em apenas 24 horas. Bolsonaro é o presidente recordista em pedidos de impeachment, superando com folga a segunda colocada, a ex-presidente Dilma Rousseff, cassada em 2016.

Postar um comentário

0 Comentários